Container

Por uma sociedade mais opinativa

Climatempo

Redes Sociais

Plataforma Portais Eletrônicos

Identifique-se

Painel de Controle

Geral

Audiência sobre a licitação do transporte público lota a prefeitura

Publicado 27/03/2015

O início da reestruturação do sistema de transporte público no Município começou pela chamada declaração de nulidade da licitação, o que significa que o último processo licitatório (edital de concorrência pública 003/2011), foi anulado e a nova concorrência se faz necessária. Após a nulidade da licitação as referidas empresas continuam realizando o trabalho como permissionárias para transportar a população até a nova licitação.

Uma das prioridades do Executivo Municipal é melhorar a qualidade do transporte público coletivo para os seus usuários e a comunidade em geral. Partindo deste histórico, o prefeito, Alexandre Lindenmeyer, acompanhado do Procurador Jurídico do Município, Fernando Grassi, do secretário de Acessibilidade e Mobilidade Urbana, Edson Lopes, do Consultor do Instituto IDhES, Mauri Cruz, realizam a audiência pública de apresentação da Minuta da Licitação do Transporte Público para a cidade do Rio Grande que contou com a presença de centenas pessoas, vereadores e secretariado municipal.

O objetivo da audiência foi ouvir as demandas, preocupações, questionamentos e sugestões da comunidade rio-grandina, para acrescentar o possível dentro da legislação na nova Minuta que terá em seu contrato a concessão por prazo   determinado de 10 anos para as empresas vencedoras da licitação, que será lançada em abril, com a previsão do processo de abertura dos envelopes para o mês de junho.

Segundo Lindenmeyer, outras empresas poderão concorrer ao processo, pois o intuito é atender ao anseio da comunidade rio-grandina, ora acabar com o monopólio na cidade.  Ele afirmou "a empresa que atualmente concede o transporte poderá participar do processo licitatório preenchendo os requisitos".

De acordo com o consultor, Mauri Cruz, a utilização das linhas será dividida em Lote 01, caracterizado pela Bacia Operacional Sul, que contará com 15 linhas, e com a frota operacional de 67 veículos, já o Lote 02, fica na Bacia Operacional Norte, que abrangerá, 18  linhas, e terá a  frota  operacional  de  72 veículos.

Segundo o secretário de Acessibilidade e Mobilidade Urbana, a nova licitação aumentará o número da frota e será uma empresa feita uma para cada bacia. Além disso, 20% da frota contará com ar condicionado, nas localidades do interior os ônibus possuirão banheiros e bagageiros.

Após um longo debate que durou duas horas com espaço de apresentação, indagações e outros. Os presentes puderam deixar seus questionamentos e contribuições para serem respondidos pelo Executivo como forma de integrar com os usuários do transporte coletivo.

Ao final da audiência foi informado ao plenário que o objetivo do canal interativo disponível no site da prefeitura é de estimular a interação e integração com os usuários do transporte público coletivo, pois todos poderão sugerir dicas, sugestões e críticas, através de um canal direto anexado no banner do site da prefeitura.

 

Benefícios já implantados na minuta da nova licitação

- Diminuição do tempo de viagem de várias linhas com a eliminação da rotatória da Junção;

- Inauguração da nova plataforma de embarque/desembarque da estação Cassino;

- Isenção para idosos a partir de 60 anos conforme Decreto Municipal;

- Criação de Lei que beneficia a população em 5 dias de gratuidade no transporte coletivo

- Maior controle e fiscalização;

- Mais segurança e outros.

Leia mais sobre: Geral, Rio Grande, Slider

Fonte: PMRG

Compartilhe

Delicious Digg Google Bookmarks Mixx MySpace Reddit Sphinn StumbleUpon Technorati RSS

Enquete

Você concorda com o fim do auxílio-reclusão e a criação de um benefício para as vitimas dos crimes

Resultado

Topo-978x300

Esquerda-230x400

Direita-1-184x274

Direita-2-184x360

Rodape-526x180